Pós-Graduação arrow Engenharia Agrícola

Coordenadores: Secretaria:

Prof. Dr. Miguel Angel Uribe Opazo

Profª Drª Silvia Renata Machado Coelho

Contato: E-mail: cascavel.pgeagri@unioeste.br,pgeagri@hotmail.com

Conceito 5 avaliação - trienio 2010/2012

fone:(45)3220-3175, (45)3324-7922

Vera Celita Schmidt

Missão: Formar mestres e doutores, em "Sistemas Biológicos e Agroindustriais" e em "Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental", tendo como princípios norteadores a multidisciplinaridade e a interdisciplinaridade, que induzem a formação de um pesquisador inovador e atualizado nas questões agroindustriais e ambientais sustentáveis.


Palavra da Coordenação (2012 - 2015):
O Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola (PGEAGRI) é o primeiro programa que ofertou os primeiros cursos de Mestrado e Doutorado da UNIOESTE na das regiões Oeste e Sudoeste do Paraná. Iniciou suas atividades ofertando o curso de Mestrado no ano de 1997 e no ano de 2006 a CAPES autorizou a implantação do Doutorado. Ressalta-se que a existência de um programa de pós-graduação com esse perfil técnico-científico é muito importante em uma região considerada a “entrada” do Mercosul, responsável por 25% do PIB agropecuário do estado do Paraná e onde a pesquisa técnico-científica se encontra em desenvolvimento. As primeiras áreas de concentração do PGEAGRI foram propostas devido a que a região, onde se insere o programa, ter forte vocação para atividades agrícolas e agroindustriais além de suas riquezas naturais e hídricas. No ano de 2004 o PGEAGRI obteve o conceito 04 pela CAPES, entrando a uma nova restruturação do programa visando à construção de propostas para o desenvolvimento das linhas de pesquisa. A reestruturação buscou atender às necessidades do desenvolvimento da pesquisa técnico-científica e da qualificação e capacitação de recursos humanos, considerando a demanda e a inserção regional e o Plano Nacional de Pós-graduação 2005. Tais mudanças resultaram na autorização da CAPES para implantação do doutorado no Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola da UNIOESTE, com início de suas atividades em agosto de 2006. No ano 2011 o PGEAGRI, com autorização pela CAPES passa a ser constituído pelas seguintes áreas de concentração: Sistemas Biológicos e Agroindustriais-SBA e Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental – RHESA.
O PGEAGRI tem atualmente em execução 30 projetos de pesquisas, que em sua grande maioria são financiados por órgãos de fomentos (Finep, CNPq, CAPES, Fundação Araucária, EMBRAPA), tem um aumento no número de publicações B1, A2 e A1 e um aumento na participação de alunos e professores em eventos nacionais e internacionais.
O PGEAGRI mantém parcerias com produtores agrícolas da região, com instituições de pesquisa tais como EMBRAPA/CNPTIA-INFORMÁTICA AGROPECUÁRIA, EMBRAPA/CONCÓRDIA, EMBRAPA/Santo Antônio de Goiás, PTI/ITAIPU e IAPAR/LONDRINA. Com universidades nacionais e intercâmbios internacionais com universidades e centro de pesquisas tais como: Universidade Texas A & M-College Station-Texas-EUA, Universidad de Valparaiso, Universidade Técnica de Lisboa, Portugal e USDA/ARS – Florence/Carolina do Sul – EUA.
Os laboratórios de pesquisa e ensino que dão suporte ao PGEAGRI tem equipamento de ultima geração, obtidos através da aprovação de projetos de pesquisa em órgãos de fomento.
O corpo docente do PGEAGRI no último triênio está formado por 12 professores permanentes das quais 11 são bolsistas produtividade de órgãos de fomentos, 04 professores colaboradores e 02 professores visitantes. É importante mencionar que os que os professores pertencem aos grupos de pesquisas: Otimização de Sistemas Agroindustriais do Oeste do Paraná; Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental e Geoestatística Aplicada, as quais dão suporte ao programa.
O número de dissertações de mestrado defendidas no PGEAGRI foi de 289 e o número de teses de doutorados defendidas foi de 22. O tempo médio de titulação para mestrado é de 26 meses e de 48 meses para o doutorado. Sendo que a maioria dos egressos estão seguindo estudos de doutorado e pós-doutorado ou atuam no mercado de trabalhos em empresas nacionais, binacionais, institutos de pesquisa e ensino superior.
No ano 2013, se tem um total de 125 alunos matriculados no mestrado e doutorado. O PGEAGRI conta com 27 bolsas de mestrado, sendo 24 da CAPES e 03 do CNPq; e 26 bolsas de doutorado, sendo 21 da CAPES, 03 do CNPq, 01 da Fundação Araucária e 01 bolsa balcão CNPq.
Para o triênio 2013-2015 o PGEAGRI pretende-se alcançar as metas e desafios que são: incentivar a cooperação técnica, científica, educacional e cultural entre a UNIOESTE e as instituições públicas e privadas nacionais e internacionais, visando o desenvolvimento e execução conjunta de programas e projetos, o intercâmbio em assuntos educacionais, científicos e tecnológicos; Incentivar ao corpo docente e discente à produção intelectual com a divulgação de resultados das pesquisas em periódicos qualificados e à participação e apresentação de trabalhos em eventos técnico-científico, nacionais e internacionais; Continuar atendendo à necessidade de formação continuada dos profissionais que já atuam no mercado; e finalmente, atender às exigências da CAPES quanto à inserção regional, segundo o Plano Nacional de Pós Graduação.


Foto 01

PGEAGRI 10 anos

Foto 03

 

UnioesteNet 2008
School Joomla Templates and Joomla Tutorials